Brumas de Sintra

Ponto de encontro entre a fantasia e a realidade. Alinhar de pensamentos e evocação de factos que povoam a imaginação ou a memória. Divagações nos momentos calmos e silenciosos que ajudam à concentração, no balanço dos dias que se partilham através da janela que, entretanto, se abriu para a lonjura das grandes distâncias. Sem fronteiras, nem limites

A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal

O meu nome é Maria Elvira Bento. Gosto de olhar para o meu computador e reconhecer nele um excelente ouvinte. Simultaneamente, fidelíssimo, capaz de guardar o meu espólio e transportá-lo, seja para onde for, sempre que solicitado. http://brumasdesintra.blogspot.com e brumasdesintra.wordpress.com

quarta-feira, 27 de maio de 2009

MAIS SENSÍVEL, HUMANITÁRIO, AMOROSO...


Leia este breve diálogo entre o teólogo brasileiro Leonardo Boff (escritor e professor universitário, expoente da Teologia da Libertação no Brasil. Foi membro da Ordem dos Frades Franciscanos) e Dalai Lama (acredita-se que o Dalai Lama seja a reencarnação de uma longa linha de tulkus que optaram pela reencarnação, a fim de esclarecer a Humanidade). Leonardo Boff diz:

-No intervalo de uma mesa-redonda sobre religião e paz entre os povos, na qual ambos participávamos, eu, maliciosamente, mas também com interesse teológico, perguntei-lhe no meu fraco em meu inglês: Santidade, qual é a melhor religião?Esperava que ele dissesse: é o budismo tibetano ou são as religiões orientais, muito mais antigas do que o cristianismo. O Dalai Lama fez uma pequena pausa, sorriu, olhou-me bem nos olhos (o que me desconcertou um pouco, por que eu sabia da malícia contida na pergunta) e afirmou: a melhor religião é a que mais te aproxima de Deus. É aquela que te faz melhor.


Para sair da perplexidade diante de tão sábia resposta, voltei a perguntar: a que me faz melhor? Ele respondeu: aquilo que te faz mais compassivo (compaixão) e, aí, senti a ressonância tibetana, budista, taoísta de sua resposta
... aquilo que te faz mais sensível, mais desapegado, mais amoroso, mais humanitário, mais responsável. A religião que conseguir fazer isso de ti é a melhor religião. Calei-me, maravilhado, e até aos dias de hoje recordo sua resposta sábia e irrefutável .


Se quer transformar o mundo, mexa primeiro no seu interior
( Dalai Lama )

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial