Brumas de Sintra

Ponto de encontro entre a fantasia e a realidade. Alinhar de pensamentos e evocação de factos que povoam a imaginação ou a memória. Divagações nos momentos calmos e silenciosos que ajudam à concentração, no balanço dos dias que se partilham através da janela que, entretanto, se abriu para a lonjura das grandes distâncias. Sem fronteiras, nem limites

A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal

O meu nome é Maria Elvira Bento. Gosto de olhar para o meu computador e reconhecer nele um excelente ouvinte. Simultaneamente, fidelíssimo, capaz de guardar o meu espólio e transportá-lo, seja para onde for, sempre que solicitado. http://brumasdesintra.blogspot.com e brumasdesintra.wordpress.com

sábado, 21 de novembro de 2009

O ADEUS DE OPRAH A UMA AUDIÊNCIA DIÁRIA DE SETE MILHÕES. É OBRA!


Uma das mais mulheres mais ricas (fortuna calculada em 3 biliões de dólares) e mais influentes do Planeta (nascida no Mississipi), que não teve berço de ouro (bem pelo contrário), soube superar violentos traumas de infância e desenvolver uma carreira a todos os títulos notável. Valeu-lhe, certamente, a capacidade nata de saber usar o carisma e o coração no contacto com os outros, e fê-lo com tal autenticidade e empatia que em 25 anos conseguiu para a CBS, através do seu mítico programa Oprah Winfrey Show, agarrar uma audiência (fidelíssima) de sete milhões de espectadores. E foi uma apresentadora emocionada, uma Oprah Winfrey, inteligente, que sentiu estar na hora de dizer adeus ao que é considerado uma instituição da mídia americana. O império de Oprah é imenso, como se calcula. A sua influência é cada vez maior e os 50 milhões de dólares mensais que ganha na CBS serão por certo compensados, a partir de Setembro de 2011, com outros projectos (revistas, programas de rádio, estação de TV) que aumentarão a sua fortuna pessoal e ajudarão a manter as várias instituições de beneficência que tem espalhadas por vários locais do mundo, principalmente na África do Sul (Oprah Winfrey Leadership Academy for Girls). Não foi fácil anunciar aos milhões de fãs que os encontros diários iriam terminar... Eu amo este programa, e amo o bastante para saber quando é a hora de dizer adeus. Tomei esta decisão depois de muita oração e meses de análises cuidadosas.

*


Aja como se fosse impossível fracassar
(Dorthea Brande)

2 Comentários:

Blogger Fernanda disse...

Amiga M.Elvira, minha querida!

Eu ouvi a notícia e embora não tivesse nunca assistido a nenhum dos seus famosos programas, percebi logo que ela era uma sumidade no que fazia /faz.
Outra das razões que me atriu foi o facto de ela ter sido uma self-made woman e de não ter nascido em berço de ouro, bem pelo contrário.

Admiro pessoas, especialmente mulheres, fortes, com carácter e seguras de si.
É tempo de dizer "Bless you Mrs.Winfrey, Good luck".

Beijinhos

24 de novembro de 2009 às 18:46  
Blogger MEB disse...

Amiga

Devia ver um programa dela. É fantástica a capacidade que a Oprah tem de ser humana. Muito espiritual. A sua vida é um exemplo de tenacidade.
Bijs

25 de novembro de 2009 às 19:33  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial