Brumas de Sintra

Ponto de encontro entre a fantasia e a realidade. Alinhar de pensamentos e evocação de factos que povoam a imaginação ou a memória. Divagações nos momentos calmos e silenciosos que ajudam à concentração, no balanço dos dias que se partilham através da janela que, entretanto, se abriu para a lonjura das grandes distâncias. Sem fronteiras, nem limites

A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal

O meu nome é Maria Elvira Bento. Gosto de olhar para o meu computador e reconhecer nele um excelente ouvinte. Simultaneamente, fidelíssimo, capaz de guardar o meu espólio e transportá-lo, seja para onde for, sempre que solicitado. http://brumasdesintra.blogspot.com e brumasdesintra.wordpress.com

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

O OLHAR DE MAR SERENO QUE ENCANTA


Quando me olhas deixo de te ver! De imediato entro, sem me aperceber, dentro desse pedaço atraente de mar sereno que me encanta e arrebata, escuto-te e sorrio, sem estar já lá! Ouço-te, em fundo, mas já tomei conta de ti, em mim. É tudo tão cativante, tão meu. E tu continuas a falar, a rir, e, aí, flutuando no mar doce do teu olhar, roço a ponta dos meus dedos, pelos teus lábios, pelo contorno perfeito do teu rosto, e tu olhas-me sem te aperceberes que eu flutuo, suspensa, no ritmo do teu respirar numa ânsia saboreada, difusa à luz da realidade. Quando me olhas o mundo pára! Cada segundo é um século, cada hora é um minuto. O som da tua voz dá-me vida, fascina-me, encanta-me, numa alquimia interior. Como um simples olhar pode construir um mundo?! Realidades paralelas, ilusões intensas, fantasias silenciosas quando fixo os teus olhos com os meus, da alma. Não existem acasos na vida universal. Continua a sorrir-me, a olhar-me, e eu iluminarei o teu caminho no espaço dos meus sonhos.


Se pensa que pode, você pode. E se pensa que não pode, está certo. Você não pode!
(Mary Kay Ash)


0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial