Brumas de Sintra

Ponto de encontro entre a fantasia e a realidade. Alinhar de pensamentos e evocação de factos que povoam a imaginação ou a memória. Divagações nos momentos calmos e silenciosos que ajudam à concentração, no balanço dos dias que se partilham através da janela que, entretanto, se abriu para a lonjura das grandes distâncias. Sem fronteiras, nem limites

A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal

O meu nome é Maria Elvira Bento. Gosto de olhar para o meu computador e reconhecer nele um excelente ouvinte. Simultaneamente, fidelíssimo, capaz de guardar o meu espólio e transportá-lo, seja para onde for, sempre que solicitado. http://brumasdesintra.blogspot.com e brumasdesintra.wordpress.com

segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

A MELODIA DO RIO DA ESPERANÇA


Uma noite fria e uma canção que nos fala de alguém que nasceu numa pequena e modesta casa à beira rio e a sua incessante procura de uma vida melhor. A esperança de que a mudança um dia viria, nunca o abandonou. Foi cantando com algo de nostálgico, sofredor, envolvente, como um grito abafado, atirado ao vento para que as palavras ganhassem força e rompessem as barreiras das limitações que sempre deslizaram ao sabor do rio que o viu nascer...



http://www.youtube.com/watch?v=aHa096VQ8FE




O sucesso é uma jornada, não é um destino
(Arthur Ashe)

2 Comentários:

Blogger Fernanda disse...

Minha querida amiga,

Adoro Seal e este tema é fabuloso.
"There's an old friend
That I once heard say
Something that touched my heart
And it began this way

I was born by the river
In a little tent
And just like the river
I've been running ever since"

Lindo!

Beijinhos

15 de dezembro de 2009 às 19:14  
Blogger MEB disse...

Amiga
Temos gostos musicais muito parecidos. Ainda bem. Adoro esta canção, a interpretação dele é notável.Vem de dentro. Bijs.
Estou a tiritar de frio

15 de dezembro de 2009 às 20:07  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial