Brumas de Sintra

Ponto de encontro entre a fantasia e a realidade. Alinhar de pensamentos e evocação de factos que povoam a imaginação ou a memória. Divagações nos momentos calmos e silenciosos que ajudam à concentração, no balanço dos dias que se partilham através da janela que, entretanto, se abriu para a lonjura das grandes distâncias. Sem fronteiras, nem limites

A minha fotografia
Nome:
Localização: Portugal

O meu nome é Maria Elvira Bento. Gosto de olhar para o meu computador e reconhecer nele um excelente ouvinte. Simultaneamente, fidelíssimo, capaz de guardar o meu espólio e transportá-lo, seja para onde for, sempre que solicitado. http://brumasdesintra.blogspot.com e brumasdesintra.wordpress.com

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

FEDERER E A INCONTROLÁVEL VONTADE DE RIR


Não se pode dizer que seja muito comum mas, acontece! Pode acontecer um jornalista entrevistar uma figura de renome internacional e a determinada altura um inesperado ataque de riso por parte do entrevistado, não permitir que a entrevista seja concluída já que cada tentativa de início de diálogo é ineficaz. As gargalhadas têm mais força. O jornalista português da CNN, Pedro Pinto, entrevistou Roger Federer e tudo corria bem até ao momento em que o entrevistador pediu a Roger se podia colocar algumas questões em espanhol para serem incluídas na versão latina da CNN. O tenista suíço concordou. Mas, daí à conclusão foi uma gargalhada pegada. Porque seria? O tom saleroso das palavras? Não se sabe, mas ficou o registo. Rir, faz bem. Que se espalhe a alegria do riso.




http://www.youtube.com/watch?v=JsbpuvM0HaE



Um momento de felicidade vale mais do que mil anos de celebridade
(Voltaire)

2 Comentários:

Blogger Luis disse...

Querida Amiga,
Nos Sempre Jovens a Fernanda colocou post sobre o mesmo tema e por sinal o João também no seu Miradouro o fez. É realmente verdade que rir é saudável e dizem que faz bem ao figado, será? Acredito que sim e sou dos que me riu bastante e talvez por isso mesmo não me posso queixar de doenças.
Beijinhos.

12 de dezembro de 2009 às 07:26  
Blogger MEB disse...

Bom amigo
Sempre atento ao que vamos publicando. Isso é muito agradável. Na realidade achei graça aquele às do ténis, não conseguir suportar uma situação que lhe deveria parecer bizarra (pela sonoridade). Como ó riso é contagioso o jornalista bem tentou, sem grande eficácia. Rir, limpa a Alma. Faz bem.

Eu rio-me sempre e muito com o excelente programa do John Stewart, na SIC Radical. É uma lição. Adoro, aprendo, e rio porque ele é inteligentissimo, cáustico e implacável. É Bom!
Beijinhos

12 de dezembro de 2009 às 17:27  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial